- Publicidade -
- Publicidade -

Empresa anuncia investimento de R$ 40 milhões em nova planta industrial em Londrina

Unidade vai gerar entre 50 e 130 empregos diretos na cidade.

Trending

A empresa multinacional argentina Rizobacter anunciou nesta sexta-feira (17) a construção de uma nova planta industrial em Londrina. O investimento na unidade que vai gerar de 50 a 130 empregos é de R$ 40 milhões (US$ 7,1 milhões).

Os executivos da empresa estiveram na prefeitura, onde apresentaram o investimento ao prefeito Marcelo Belinati e outras autoridades locais. Nilton Cremonini Elteto, gerente geral da Rizobacter no Brasil, destacou que Londrina é parte do projeto de expansão da empresa multinacional no país.

A companhia é produtora de fertilizantes e adjuvantes, utilizados pelo setor agropecuário. Na nova planta, que ficará localizada na PR-445 (saída para Curitiba), a empresa será capaz de produzir até 10 milhões de litros de seus produtos anualmente e exportá-los.

Nilton Elteto, gerente geral da Rizobacter no Brasil – Foto: Divulgação

“Estamos presentes em vários mercados globais, porém com forte presença no Brasil, que representa 50% dos nossos lucros. A empresa, embora sediada na Argentina, nem no Brasil seu plano estratégico de expansão e essa unidade em Londrina consagra isso”, disse.

Além disso, a Rizobacter também tem capital aberto na Bolsa de Valores Nasdaq, em Nova York – demonstrando seu potencial de crescimento.

Para erguer a nova planta industrial, também foi contratada uma empresa local. A A.Yoshii será responsável pela construção, que deve iniciar no início de outubro.

MAIS EMPREGOS

O prefeito Marcelo Belinati destacou que a PR-445 onde ficará a planta, depois de duplicada se tornará um corredor de desenvolvimento. “Esse investimento gera um círculo virtuoso, pois outras empresas vão enxergar naquela região uma oportunidade para seus negócios”, disse, mencionando ainda que a cidade voltou a atrair indústrias nos últimos nos.

Também falou o presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (CODEL), Bruno Ubiratan. Ele revelou que as tratativas para a vinda da Rizobacter começaram há três anos, e que a empresa escolheu a cidade por vários aspectos econômicos e estruturais.

Além disso, a empresa também contou com o apoio e incentivo da prefeitura, por meio da CODEL, para que o investimento se concretizasse.

Bruno Ubiratan, presidente da CODEL – Foto: Divulgação

“Tudo isso é muito importante para o crescimento e desenvolvimento da nossa cidade, a gente ganhar indústrias. Principalmente no momento que vivemos, de pandemia e de dificuldades a nível Brasil e mundo, nós recebemos um investimento de tamanha grandeza, num local que vai ser um foco de desenvolvimento na PR-445”, disse.

Prefeito Marcelo Belinati recebe representantes da Rizobacter – Foto: Divulgação
- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

STF nega habeas corpus e Zé Trovão continua foragido

Caminhoneiro pediu asilo no México e segue foragido.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -