- Publicidade -
- Publicidade -

A Usurpadora: clássico do SBT estreia no GloboPlay

Relembre sucesso das gêmeas Paola Bracho e Paulina Martins, que há 22 anos impedia novelas da Globo de decolar na audiência

Trending

Protagonizada por Gabriela Spanic, a novela “A Usurpadora” foi produzida pela mexicana Televisa em 1998 e exibida pela primeira vez no Brasil no SBT entre 22 de junho e 09 de novembro de 1999, totalizando 102 capítulos. O sucesso foi imediato e se tornou uma pedra no sapato da Globo, que mesmo com seus horários de novelas já consolidados, vivia uma fase complicada, com suas novelas fracassando na audiência. Na faixa das 18 horas, Força de um Desejo (1999), embora elogiadíssima pela crítica e com fãs cativos, não conseguia emplacar na audiência, oscilando entre 20 e 23 pontos e sendo considerada a novela de menor audiência daquele horário até então, assim como o cartaz das 20 horas, Suave Veneno (1999), que oscilava entre 35 e 38 pontos.
Enquanto Suave Veneno derrapava na audiência, A Usurpadora se saia cada dia melhor e até mesmo o sucesso Terra Nostra (1999), de Benedito Ruy Barbosa, penou no confronto com a mexicana, que estava em sua reta final e alcançava índices acima dos 20 pontos. O sucesso era tanto que até mesmo Jayme Monjardim, diretor da novela dos italianos, em entrevista à jornalista Sônia Apolinário, admitiu que os índices só melhorariam quando a novela das gêmeas chegasse ao fim, já que seu público não mudaria de canal enquanto ela estivesse no ar.
Cabe ressaltar que a novela nunca chegou a ultrapassar os números da Globo, mas tirava da emissora boa parcela do seu público e se tornou uma trama tão querida dos espectadores que o SBT passou a usá-la como produto chave para recuperar a audiência. Foram seis reprises, em 2000, 2005, 2007, 2013, 2015 e 2016, todas de enorme sucesso, chegando, em algumas delas, a incomodar novamente a Globo.
Agora, depois de disponibilizar em seu catálogo a novela Marimar (1994), outra mexicana que no passado fez sucesso no SBT, o GloboPlay estreia A Usurpadora, que está disponível na plataforma a partir de hoje (15). Aos mais nostálgicos, vale uma maratona e, para relembrar, confira abaixo um resumo da história:
Com Gabriela Spanic, Fernando Colunga, Libertad Lamarque, Chantal Andere e Juan Pablo Gamboa no elenco, o dramalhão conta a história de Paulina e Paola (ambas interpretadas por Gabriela Spanic), duas mulheres idênticas na aparência, mas com personalidades e padrão de vida completamente opostos.
Paulina é uma moça pobre e honesta, que vive com a mãe em uma pequena choupana no litoral e trabalha como arrumadeira num elegante clube da cidade. Ela vive um drama pessoal com a doença da mãe, dona Paula (Nuria Bages), que está desenganada pelos médicos.
Paola, por sua vez, é uma mulher da alta sociedade. É fria ao extremo, calculista em tudo, aventureira e de muitos amantes. Casada com Carlos Daniel (Fernando Colunga), ela só pensa em encontrar uma maneira de se divertir longe da família e do marido, um homem muito rico e pai de dois filhos do primeiro casamento, que vive na mansão dos Brachos, junto com a avó, Dona Piedade (Libertad Lamarque), sua irmã de criação, Estephanie (Chantal Andere), e o cunhado, Willy (Juan Pablo Gamboa), que por sua vez é um dos amantes de Paola, de quem todos conhecem a personalidade escandalosa de agir, exceto Carlos Daniel, que, completamente apaixonado por ela, não acredita em nada do que lhe contam.
Um dia, o destino coloca Paulina e Paola frente à frente e, ao perceber a incrível semelhança que existe entre elas, Paola tem uma ideia para se livrar do marido sem que ele perceba: ela planeja transformar Paulina em sua “Usurpadora”. A arrumadeira, entretanto, nega-se a atender a proposta de Paola, mas é vítima da ambição dela, que, capaz de qualquer coisa para conseguir o que quer, acusa Paulina de roubo, obrigando-a a aceitar a troca para não ir para a cadeia.
- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Senado aprova indicação de André Mendonça ao STF

Indicação de Bolsonaro ficou parada na CCJ por mais de quatro meses.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -