- Publicidade -
- Publicidade -

Londrina empata com o Operário e está na final do Campeonato Paranaense

Trending

O Londrina (LEC) empatou com o Operário FC e garantiu a primeira vaga da final no Campeonato Paranaense 2021. A vaga foi conquistada em partida nesta terça-feira (06) em Ponta Grossa, contra o time da casa. O jogo terminou em 1 a 1 na disputa de volta da semifinal.

No primeiro jogo que aconteceu em 09 de junho no Estádio do Café o Londrina venceu por 1 a 0 e precisava somente de um empate na partida de volta.

Com isso, o Tubarão segue na busca pelo seu quinto título paranaense. O LEC já foi campeão em 1962, 1981, 1992 e 2014. Na final, o LEC deve enfrentar o vencedor do duelo entre o FC Cascavel e Athletico. O jogo ainda não foi definido por causa da pandemia.

Equipe comemora vaga na final do Paranaense – Foto: Divulgação / LEC

ESCALAÇÕES

Na partida no estádio do Ferroviário, em Ponta Grossa, o Londrina decidiu poupar os titulares, já que a prioridade do técnico Roberto Fonseca é para o jogo de sexta-feira pela Série B do Brasileirão. A equipe foi comandada pelo filho dele e auxiliar Roberto Fonseca Jr.

O Operário completou cinco jogos sem vitória (quatro pela Série B). Já o Londrina é o vice-lanterna na Série B e conta apenas com uma vitória nos últimos oito jogos.

O time da casa sufocou o LEC desde o início e perdeu várias chances de marcar. O Tubarão por sua vez atacou pouco, mas abriu o placar aos 17 do segundo tempo, em cobrança de escanteio de Danilo e finalizada de cabeça por Salatiel. O Operário conquistou o empate aos 41 do segundo tempo após jogada de Rafael Oller e finalização de Felipe Garcia. Aos 46 do segundo tempo o time da casa quase marcou o segundo, mas foi trave.

Operário marcou sobre o LEC – Foto: Divulgação / LEC

OPERÁRIO 1×1 LONDRINA
Operário: Simão; Alex Silva, Rodolfo Filmenon (Marcelo), Odivan e Silva; Fábio Alemão e Leandro Vilela (Rafael Oller); Jean Carlo (Thomaz), Tomas Bastos (Leandrinho) e Felipe Garcia; Schumacher (Pedro Ken). Técnico: Matheus Costa
Londrina: Dalton; Luan Marchiori (Bidía), Zé Pedro, Lucas Costa e Felipe Vieira; Pedro Cacho e Matheus Bianqui (Willian Correia); Tiago Orobó, Danilo (Celsinho) e Douglas Santos (Salatiel); Juan Matos. Técnico: Roberto Fonseca Jr
Gols: Salatiel (17-2º) e Felipe Garcia (41-2º)
Cartões amarelos: Lucas Costa, Luan, Zé Pedro (L). Rodolfo Filemon, Fábio Alemão, Odivan, Alex Silva (O)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques
Local: Estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -