- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Ação protocolada por deputado estadual pede suspensão do reajuste do IPTU

Trending

Protocolada pelo deputado estadual Tercilio Turini (PPS), uma nova Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) com pedido de liminar pretende suspender a Lei Municipal 12.575/2017, que atualizou a Planta Genérica de Valores (PGV) de Londrina, no norte do Paraná, e gerou aumentos de até 400% no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e na taxa de coleta de lixo.

Turini afirma que a Câmara Municipal e a prefeitura da cidade “desrespeitaram princípios da Constituição Federal na elaboração, tramitação e aprovação do projeto, bem como na aplicação da nova legislação do IPTU, com grandes prejuízos à população londrinense”. Segundo o deputado, a ADIN “sustenta que houve vícios no processo legislativo, o que enseja a nulidade da lei por ferir os preceitos constitucionais da legalidade e da transparência. Também indica ofensa ao princípio da publicidade, já que a Prefeitura não publicou o mapa com detalhamento da nova Planta Genérica de Valores revisada, que originou aumentos de IPTU em percentuais abusivos que chegam a 200%, 300%, 500% e até 1000%”.

Para Turini, os princípios da razoabilidade ou proporcionalidade da carga tributária e do não confisco também foram desrespeitados, “devido aos elevados índices de aumentos praticados pela Prefeitura, muito superiores à capacidade de pagamento do contribuinte”.

A ação, elaborada pela advogada Mara Alice Gonçalves, pede não somente a suspensão da Lei Municipal 12.575/2017, mas também que, no julgamento do mérito, ela seja declarada inconstitucional.

OUTRA AÇÃO

Na semana passada, o deputado estadual Devanil Reginaldo da Silva, o Cobra Repórter (PSD), também protocolou uma ADI que pede a suspensão da lei de revisão da PGV.

Prestes Mattar, desembargador do Tribunal de Justiça (TJ) do Paraná e relator da ação, deu prazo de cinco dias para que a prefeitura e Câmara Municipal se manifestassem sobre o reajuste do IPTU.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Dupla invade casa e atira várias vezes contra jovem em Maringá

Polícia desconfia que vítima tenha sido baleada por engano.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -