- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Associação Comercial do Paraná pede que comércio permaneça fechado

Trending

Após pedir para que comerciantes abrissem as lojas em horário reduzido a partir de segunda-feira (13), a Associação Comercial do Paraná (ACP) voltou atrás e recomendou que os empresários não reabram o comércio.

O comunicado da ACP foi divulgado nesta sexta-feira (10). A associação atende a um pedido do Ministério Público do Paraná (MP-PR) para que o convite de retorno às atividades fosse suspenso.

A proposta de reabertura do comércio, segundo a ACP, atendia a uma solicitação dos comerciantes associados.

De acordo com a associação, o comércio, que está parcialmente fechado desde 23 de março, abriria entre 10h e 16h e com 50% da capacidade de cada estabelecimento.

O objetivo da reabertura era amenizar os “graves prejuízos acumulados com o período da quarentena em razão do coronavírus”.

ISOLAMENTO É PRIORIDADE

O Governo do Paraná informou, na manhã desta sexta-feira (10), que é o Poder Público que determina o que abre e o que fecha no estado, “em uma ação conjunta entre Estado e municípios, respeitando as leis federais”.

“A prioridade no Paraná é a manutenção do isolamento social, como forma de evitar a propagação do novo coronavírus e proteger o maior número possível de pessoas da Covid-19”, informou.

O governo afirmou que está em constante diálogo com as entidades representativas, mas que reforça que, no momento, segue as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS), do Ministério da Saúde e demais autoridades sanitárias federais, estaduais e municipais.

*G1 PR

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Homicídio é registrado no José Richa, em Sarandi

Vítima estava chegando na casa de familiares quando foi surpreendido pelos disparos.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -