- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Ator é agredido a caminho de gravação de curta-metragem

Trending

DIÁRIO 24H
LONDRINA

No último domingo (26), nos arredores do Terminal Urbano de Londrina, o ator Otávio Pelisson foi agredido por dois homens que não gostaram de vê-lo maquiado nas ruas. Ele estava a caminho das gravações do curta-metragem “Passo Cruzado”, de Vivian Campos, e foi salvo por uma senhora que bateu nos agressores com um guarda-chuva.

Em cena, Pelisson atuaria como drag queen. No momento das agressões, ele não utilizava o figurino – estava maquiado e de unhas postiças. “Eu sempre ando assim, mas, como iria interpretar uma drag queen, a maquiagem estava carregada”, conta.

O ator foi assediado pelos homens assim que chegou ao terminal. “Eles fizeram piadinhas, que aquilo não era ‘coisa de homem’, que era pra eu ‘virar macho’. Em seguida, me empurraram pelas costas e um deles me agarrou pelo braço, enquanto outro me deu socos na barriga, na costela e no estômago”, recorda.

No momento, uma senhora socorreu o ator e bateu nos agressores com um guarda-chuva. “Foi tudo muito rápido”, diz Pelisson, que ligou para os pais e foi para casa sem gravar a cena e sem registrar boletim de ocorrência. Ele teme algum tipo de retaliação dos agressores. O fato de a homofobia ainda não ser crime também aumenta o receio. “O caso seria registrado como uma simples agressão, mas não é isso. Mexeram comigo, disseram para ‘virar macho'”, recorda a vítima.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Vereadores aumentam salário do prefeito de Paranaguá de R$ 16 para quase R$ 26 mil

Também sobem os salários do vice-prefeito e dos secretários municipais.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -