- Publicidade -
- Publicidade -

Economista avalia impeachment da presidente Dilma

Trending

Ex-ministro da Fazenda no governo de José Sarney, o economista Maílson da Nóbrega participou na noite desta segunda-feira (22), do Seminário de Desenvolvimento da Serra Catarinense (Sede Serra), realizado na cidade de Lages, falando sobre o momento econômico do país depois que a deposição da presidente Dilma Rousseff (PT) se concretizar.

A explanação dele foi de aproximadamente 90 minutos, apresentando as novas nuances da economia nacional, no cenário de pós deposição. Conforme o seu pensamento, a confirmação do impeachment é um sinal de reação nacional:”O país está saindo do fundo do poço”, afirma sobre a saída de Vana do poder. Classifica ainda, o possível candidato Ciro Gomes como aventureiro.

A moeda americana, deve fechar o ano valendo R$ 3.40. O Produto Interno Bruto (PIB), assim como a taxa básica de juros vão fechar o mesmo período com índices amargos ao povo. “O crescimento do Brasil não será em V, ficaremos estagnados por um tempo, depois subiremos. Isso configura ascendência em U”, conclui.

O ex-ministro fala sobre o momento que o país vive (Foto: Ciete Silvério/A2 Comunicação)
O ex-ministro fala sobre o momento que o país vive (Foto: Ciete Silvério/A2 Comunicação)
- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

STF nega habeas corpus e Zé Trovão continua foragido

Caminhoneiro pediu asilo no México e segue foragido.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -