- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Em protesto, MST invadem praças de pedágio

Trending

Paraná – Contra a prisão do ex-presidente Lula e em lembrança do Dia da Luta da Terra, que se refere ao massacre de trabalhadores rurais que ocorreu em Carajás, no Pará, o MST (Movimento dos Trabalhadores sem Terra) invandiu sete praças de pedágios do estado na manhã desta terça-feira (17). Mesmo com a ação, as rodovias não foram bloqueadas mas as cancelas das praças de pedagio ficaram liberadas, já que o movimento não deixou a cobrança da taxa de pedágio ser efetuada, segundo a Polícia Rodoviária Federal. Informações são do G1 Paraná.

Imagem: Divulgação/PRF

As praças afetadas estão em Jataízinho, Campo Mourão, Cascavel, Jacarezinho, Campos Gerais, São Miguel do Iguaçu e Porecatu.

Em Porecatu, na PR-170, as cancelas ficaram liberadas entre 9h40 e 12h30. Com 200 protestantes, de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual.

Em Campos Gerais, BR-376, na praça de pedágio de Ortigueira, o movimento ocorreu entre 8h30 e 14h30.

São Miguel do Iguaçu, na BR-277, teve manifestações também até às 14h30, mas iniciaram às 10h. Com cerca de 100 protestantes, segundo a concessionária Ecocataratas.

Em Cascavel, BR-277, a manifestação ocorreu em menor tempo, apenas entre 10h e 12h. Segundo os manifestantes, haviam 250 pessoas no movimento, segundo a PRE havia 100.

Jataizinho. Imagem: Divulgação/PRF

Os protestos das praças de pedágio da BR-369, em Jataízinho, Jacarezinho, e Campo Mourão seguem sem fim confirmado.

 

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Vereadores aumentam salário do prefeito de Paranaguá de R$ 16 para quase R$ 26 mil

Também sobem os salários do vice-prefeito e dos secretários municipais.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -