- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Empresa terá que pagar R$ 800 mil por falhas em obra da UPA Jardim do Sol

Trending

LONDRINA, PR – Responsável pela construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jardim do Sol, na zona oeste de Londrina, a Construtora Meridiano terá que pagar multa equivalente a R$ 800 mil ao município por falhas estruturais na obra.

Orçada em 2012 ao custo de R$ 4,3 milhões, a UPA precisou ser reformada antes mesmo da inauguração em 2015, e três anos depois, apresenta rachaduras e riscos aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). A ordem de serviço foi assinada pelo então prefeito interino Gérson Araújo.

A empreiteira alega, no entanto, que as rachaduras apareceram devido ao entupimento de uma galeria pluvial, e que deveria receber ao menos R$ 1,6 milhão pela conclusão da obra. A Meridiano deve recorrer na justiça contra a decisão da multa.

Rachaduras estão por todos os lados – IMAGEM: Neto Almeida / Paiquerê AM

PROBLEMAS

Além das rachaduras, a Unidade de Pronto Atendimento apresenta outros problemas, que vão desde fiação elétrica a até infiltrações em todo prédio, o que dificulta o trabalho dos médicos e enfermeiros. Para qualquer canto que se olhe é possível observar as rachaduras que cruzam paredes inteiras, e até o piso da unidade de saúde.

Em maio, a prefeitura de Londrina anunciou que o prédio deve ser reformado, mas a obra está prevista apenas para o segundo semestre desse ano, e sem prazo definido para ser concluída.

IMAGEM: Neto Almeida / Paiquerê AM
- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Corpo é encontrado na praça da juventude na zona sul de Londrina

Mulher tinha ferimentos provocados por faca pelo corpo.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -