- Publicidade -
- Publicidade -

Estudante rifa carneiro para comprar notebook

Trending

O estudante Ricardo Maurício, de 26 anos, fez uma postagem inusitada e emocionante nas redes sociais. Morador de Tabuleiro do Norte, município no interior do Ceará, o jovem anunciou a rifa de um carneiro para comprar um notebook para estudar. 

A postagem anunciando o sorteio comoveu muita gente e viralizou no Instagram com mais de 14 mil curtidas. Com pouco tempo, ele conseguiu a ajuda para comprar o aparelho novo. 

Ricardo realizou um dos grandes sonhos da sua vida que era ser aprovado no mestrado. Dedicado aos livros, ele contava com auxílio estudantil que o ajudava no que precisava.

“Sempre gostei de estudar, meu primeiro notebook ganhei em 2012 da prova do SPAECE, uma avaliação do Governo do Ceará em que os estudantes que obtinham a partir de 80% de acerto em português e matemática ganhavam um notebook”, explica o estudante.

Mesmo possuindo a graduação de Engenharia Civil, onde cursou pela UFERSA de Mossoró-RN, ele não conseguiu emprego e está fora do mercado de trabalho desde 2019.

“Me mantinha praticamente com a bolsa de pesquisa, me formei e, desde então, não consegui encontrar emprego. Com a crise, o setor da construção está em não tenho QI (quem indique)”, lamenta Ricardo.

“É nessa hora que percebo o quanto o conhecimento está se tornando cada vez mais elitizado, pobre tá perdendo cada vez mais espaço. Sem incentivo do governo, pobre não pesquisa”, desabafa.

O dinheiro arrecadado

Mesmo com o dinheiro do notebook já arrecadado, Ricardo resolveu manter a campanha no ar, já que o oferecimento de ajuda não para de chegar. O dinheiro extra será usado para custear outros gastos que terá com o mestrado, como moradia e alimentação.

A meta é se dedicar inteiramente à pesquisa. O desejo de Ricardo agora é somar e fazer com que outras pessoas possam abraçar a causa da valorização da educação e da pesquisa.

“Quando esse sorteio terminar, quero me dedicar somente aos meus estudos. Meu único intuito é dar voz à educação e à pesquisa. O meu desejo é que outras pessoas possam também somar e fazer a diferença para valorização dessa área”, concluiu.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Corpo é encontrado na praça da juventude na zona sul de Londrina

Mulher tinha ferimentos provocados por faca pelo corpo.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -