- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Hotel Sahão: Símbolo do crescimento de Londrina há 17 anos abandonado

Trending

Do luxo, ao lixo. Um dos edifícios mais icônicos de Londrina comemorou este ano 17 anos de abandono. Os 113 apartamentos do antigo Hotel Sahão, na esquina das avenidas São Paulo e Paraná, hoje são apenas cômodos vazios, mas repletos das lembranças do que Londrina foi um dia.

Pelos quartos de luxo, passaram celebridades como Roberto Carlos, e nos tempos áureos dos anos 50, hospedou até o ex-presidente da República Café Filho. Hoje, somente poeira e degradação.

O Hotel Sahão foi fechado em 2002 por conta de disputas judiciais. Atualmente, uma farmácia e um cartório ocupa os andares térreos do prédio – que nem de longe lembra os bons tempos.

No ponto de táxi em frente à praça da Bandeira, os taxistas comentam que no passado, as corridas eram a toda hora, e lamentam que hoje o local tenha se tornado um ponto perigoso a noite. “As pessoas evitam passar por aqui”, comenta um deles.

CONSTRUÇÃO

Erguido nos idos dos anos 50, o hotel da família Salim Sahão foi um dos mais luxuosos de Londrina. Tinha um bar muito badalado na cobertura, ponto de encontro para a juventude da época.

Festas badaladas agitavam o salão do hotel, que era um marco do progresso da cidade, nos tempos áureos do café.

O hotel inaugurou com o nome de São Jorge. Depois virou Hotel Gávea e por fim, Hotel Sahão.

Festa de inauguração do Hotel Sahão – Foto: Acervo
Vista de Londrina em 1951 – Foto: Divulgação / Acervo Familia Sahão
Construção do Hotel Sahão – Foto: Família Sahão
- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Atropelamento deixa vítima fatal na BR-369 na Vila Marizia em Londrina

Atropelamento aconteceu próximo ao cruzamento com a rua Ermelindo Leão.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -