- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Londrina vence Luverdense por 3 a 1 no estádio do Café

Trending

Belusso comemora o primeiro gol do jogo (Foto: Gustavo Oliveira/ LEC)

A equipe principal do Londrina Esporte Clube conquistou a primeira vitória naquela que pretende ser a caminhada do time em busca do acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado (27), o Tubarão venceu o Luverdense por 3 a 1, no Estádio do Café, pela terceira rodada da Série B do Nacional.

Jonatas Belusso foi o nome da tarde, com dois gols. O primeiro dele veio aos 32 minutos do primeiro tempo, quando foi acionado por Artur. Entre os zagueiros, o Camisa 9 dominou a bola e tocou no canto direito do goleiro. O Luverdende chegou ao empate aos 13 minutos da etapa final, depois que Erick recebeu na grande área de Moacir e chutou forte. A bola tocou as duas traves de César antes de entrar.

Dois minutos depois, veio aquele que talvez entre para os gols mais bonitos do campeonato. Artur recebeu na direita, quase na linha do meio de campo e deu a assistência para Belusso, que conduziu a bola até a grande área e tocou por cobertura, na saída do arqueiro dos visitantes. O terceiro surgiu num contra-ataque, quando o time já atuava com um a menos em campo – Jonatas Belusso recebeu cartão vermelho, aos 36 minutos, por reclamação. Jardel acionou Marcinho, que arrematou com força ao invadir a grande área para fechar o placar.

Com o resultado, o Tubarão saltou para a 13ª posição do Brasileiro da Série B, agora com quatro pontos. O Luverdense é o 18º, com um ponto ganho. O próximo desafio do Alviceleste será às 21h30 de sexta-feira (2), quando enfrenta o Ceará no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza. A programação de treinos da equipe para o duelo começa às 9h30 da manhã desta segunda-feira (29), no CT da SM Sports. A viagem ao Nordeste está prevista para a manhã de quinta-feira (1).

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

MP investiga compra de oxigênio para postos de saúde e UPAs de Londrina

Prefeitura pagou três vezes mais pelo produto no auge da pandemia.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -