- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Motorista que causou morte de casal em Cambé estava com CNH cassada

Trending

LONDRINA, PR – O motorista que provocou o acidente com a morte de um casal na BR-369 na madrugada de domingo (09), estava com a Carteira de Habilitação cassada, e portanto, não poderia estar dirigindo. A informação é da Polícia Civil de Cambé, que investiga o caso.

Renan Eduardo Irmer foi identificado pela própria namorada, a quem abandonou ferida dentro do automóvel, após o acidente trágico que matou Gregory Hyus Lima, 24 e a noiva dele Daniela Aparecida Rodrigues Morais, 23. O rapaz apostava um racha com outro automóvel, um GM Prisma, quando colidiu na moto do casal na altura do semáforo da Bratislava, em Cambé.

De acordo com a Polícia Civil, através do delegado Vitor Dutra, Renan deve ter prisão preventiva decretada caso não se apresente voluntariamente nas próximas horas.

Ainda segunda a polícia, o Peugeot envolvido no acidente estava no nome do pai de Renan. O automóvel tem duas infrações registradas por avanço de sinal vermelho. Já a informação sobre a CNH suspensa foi fornecida pelo sistema do Detran.

EMBRIAGADO

Para agravar ainda mais a situação, no momento do acidente o motorista poderia estar embriagado. A informação que leva a polícia acreditar nessa hipótese também partiu da namorada dele, que no hospital informou que os dois estavam em uma festa antes da tragédia.

Renan Irmer fugiu logo após o acidente, auxiliado pelo motorista de um GM Prisma, que estaria acompanhando o Peugeot 206 em alta velocidade momentos antes da colisão com a moto do casal. Testemunhas que passavam pelo local confirmaram a versão.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

STF nega habeas corpus e Zé Trovão continua foragido

Caminhoneiro pediu asilo no México e segue foragido.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -