- Publicidade -
- Publicidade -
Array

Prefeito de Apucarana registra boletim de ocorrências após ter celular clonado

Trending

O prefeito de Apucarana, Junior da Femac, procurou a Delegacia de Polícia Civil na tarde desta segunda-feira (30) para registrar queixa após ter seu número de celular clonado.

Segundo o prefeito, o aparelho deixou de funcionar na sexta-feira (27). “Percebi que havia sido clonado após várias pessoas me relatarem ter recebido mensagens que eu não havia enviado, inclusive pedindo dinheiro”, disse.

Junior também relatou que a pessoa que clonou o celular, aproveitou para enviar conteúdos impróprios a grupos no WhatsApp. “Eu pedi para que todos me removam de grupos e não atendam a pedido algum de depósito, não sou eu que estou enviando as mensagens”, frisa.

A reportagem também apurou que junto com as mensagens solicitando depósitos em dinheiro foi indicada uma conta para as transferências, aberta em uma agência bancária no município de Bacabal, no Maranhão.

Informada, a Polícia Civil disse que já está tomando as medidas cabíveis para identificar o autor do crime. Geralmente esse tipo de delito é cometido por detentos de dentro das cadeias. O estado do Maranhão é um dos estados com a maior incidência deste tipo de crime.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Senado aprova indicação de André Mendonça ao STF

Indicação de Bolsonaro ficou parada na CCJ por mais de quatro meses.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -