26.8 C
Londrina

Belinati visita garagem da Grande Londrina após incêndio “prejuízo enorme para a cidade”

Ônibus não tinham seguro. Prefeito pediu compreensão da população com a empresa.

Trending

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, e o presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), Marcelo Cortez, visitaram a garagem da Grande Londrina na noite desta segunda-feira (15) depois do violento incêndio que destruiu 52 ônibus que operam no transporte coletivo na cidade e na região metropolitana.

Belinati descreveu a situação como “chocante” e informou que o prejuízo é enorme para a empresa, e para a cidade, que perde os veículos. O prefeito revelou ainda que os ônibus não tinham seguro, como na maior parte das empresas do país, porque o custo do seguro inviabilizaria a operação do serviço.

Prefeito Marcelo Belinati e presidente da CMTU Marcelo Cortez estiveram na TCGL – Foto: Divulgação

Ele pediu a compreensão da população para a possibilidade de que a empresa tenha problemas nos próximos dias por conta da fatalidade.

“É possível que os serviços da TCGL apresentem problemas nos próximos dias, em consequência da perda total de tantos veículos”, frisou o prefeito, que também se solidarizou com a companhia, e agradeceu o apoio dos Bombeiros e dos envolvidos que ajudaram a resgatar outros ônibus para que não fossem queimados.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Câmara de Curitiba aprova projeto que adia reajuste do IPTU em 2022

Proposta da prefeitura define que reajuste deve ser aplicado somente em 2023.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -