- Publicidade -
- Publicidade -

Mais de 31 mil famílias vivem na extrema pobreza em Londrina

Dado leva em conta famílias aptas a receber o Auxílio Brasil.

Trending

Com uma população de pouco mais de 585 mil habitantes, Londrina esconde em suas extremidades a realidade de uma vida difícil. A cidade, uma das mais pujantes e desenvolvidas do Paraná, tem mais de 31 mil famílias vivendo na linha da pobreza.

Isso é, famílias que sobrevivem com uma renda per-capita entre R$ 100 e R$ 200. O dado foi revelado com base em um levantamento da população apta a receber a primeira parcela do benefício Auxílio Brasil, criado pelo Governo Federal.

Apesar dos dados já alarmantes, o número é ainda maior se considerar famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social. Ou seja, estão entre a linha da extrema-pobreza e a pobreza. Em um estudo de 2020 da Universidade Estadual de Londrina (UEL) revela que dentro dessa realidade, os dados são de 52 mil famílias nessa situação, o que representa uma população de 170 mil habitantes, ou 1/3 da cidade.

Nessa faixa estão incluídas famílias com rendimento de meio salário mínimo por membro, ou até três salários mínimos toda a família.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Contorno Norte de Maringá é interditado por até 15 dias para obras

Oito transposições estão sendo duplicadas com investimento de R$ 16,9 milhões.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -