- Publicidade -
- Publicidade -

Tragédia: Famílias fazem apelo para encontrar vítimas de naufrágio no Rio Ivaí

Trending

O desespero de Jennifer Pacagnan aumenta à medida que as horas passam. Ela é esposa de Adalberto Fernandes e de duas crianças – uma menina de 4 anos e um menino de 9 – O pai e as duas crianças estavam no barco que virou no Rio Ivaí no domingo (18) e até então estão desaparecidos junto com outras três pessoas.

Jeniffer mora com o marido em Maringá, mas não estava no barco no momento do acidente. Ela fez um apelo pra os moradores de Borrazópolis na busca pelo marido. A esperança é que o pai e os dois filhos conseguiram sair do rio e estariam perdidos na mata.

Adalberto e os dois filhos de 9 e 4 anos estão entre os desaparecidos – Foto: Arquivo pessoal

Haviam nove pessoas no barco que virou. Três foram resgatadas no mesmo dia do acidente. Mãe, pai e uma criança de 3 anos – moradores de Sarandi – foram levadas ao hospital para atendimento médico, e a criança apresentava sinal de hipotermia devido às baixas temperaturas na região. Apesar disso, todos passam bem.

Jeniffer usou as redes sociais para pedir ajuda aos moradores de Borrazópolis, cidade vizinha à São João do Ivaí, onde aconteceu a tragédia.

“Pessoal de Borrazópolis da beirada do rio que tem casa e sítio aqui se puder passar pela estrada às vezes eles tentaram subir e tão em alguma estrada ou no meio do milho. Se alguém tiver drone com câmera que puder emprestar que puder ajudar a procurar no milho. No rio tá cheio de gente, preciso mais que tentem pra fora em estrada e plantação porque eles conseguiram sair então a gente tem que procurar no meio do mato porque eles tão por aí. Por favor, quem puder ajudar a procurar”, disse a mãe em entrevista ao Blog do Berimbau.

Além dos três desaparecidos de Maringá, outras três pessoas também não foram localizadas. Os bombeiros tem esperança que eles tenham alcançado as margens e saído do rio. Os três que seguem desaparecidos são Alberony Menegassi, a esposa Patrícia Miranda e a filha Heloísa Miranda Menegassi, de apenas 4 anos.

A pista de que eles estariam vivos é uma camiseta vermelha de criança encontrada em uma área de mata fechada, às margens do Rio Ivaí, no começo da tarde desta terça-feira (20) em São João do Ivaí. A camiseta, segundo os Bombeiros, seria da pequena Heloísa.

A família é moradora do distrito de Jacutinga, em Ivaiporã, e também tem outro filho, um menino de 9 anos que não estava no barco. A criança acompanha as buscas pelos pais e a irmã nas margens do rio.

Alberony, Patrícia e a pequena Heloísa também são vítimas do naufrágio – Foto: Arquivo pessoal

TRAGÉDIA

O acidente aconteceu no distrito de Ubaúna em São João do Ivaí no último domingo (18). De acordo com relato dos sobreviventes, o motor da embarcação parou de funcionar nas proximidades de uma região conhecida como Salto dos 3 Poços.

Sem o motor, o barco então teria sido levado por uma correnteza e virou na sequência. Das nove pessoas que estavam no barco, apenas três conseguiram se salvar.

O casal e a filha conseguiram chegar no barranco próximo às margens e foram resgatados por moradores locais. Os sobreviventes também estão no local para ajudar na localização das vítimas, mas até por volta das 14h desta terça-feira não havia informações sobre eles.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Corpo é encontrado na praça da juventude na zona sul de Londrina

Mulher tinha ferimentos provocados por faca pelo corpo.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -