Fique Ligado!

Polícia

Polícia Civil prende suspeito de matar Gisele em Cascavel

Corpo da jovem foi encontrado em um armário abandonado

Derick Fernandes

Publicado

em

giselecvel | 24Horas
Foto: Divulgação / Arquivo

Policiais civis de Cascavel prenderam na noite desta quinta-feira (08) um homem apontado como o principal suspeito de ser o assassino da jovem Gisele da Costa Santos, de 26 anos. Mais cedo, os investigadores da Delegacia de Homicídios tiveram acesso e divulgaram à imprensa um vídeo que mostra o suspeito colocando um guarda-roupas em uma caminhonete utilitária.

As imagens foram gravadas ontem (07) e pela manhã de hoje o corpo foi encontrado dentro do móvel abandonado na estrada Chaparral. O corpo estava com mãos e pés amarrados e tinha sinais de violência. A polícia investiga os métodos usados para matar a jovem.

Ainda de acordo com a apuração, o suspeito contou com a ajuda de outro homem para colocar o armário na caminhonete. Mas esse homem teria sido chamado para ajudar apenas a transportar o móvel, e não sabia o que havia dentro dele.

O homem foi preso na rua Marechal Deodoro, no Centro de Cascavel, já na noite desta quinta. A polícia ainda não deu mais detalhes da prisão e nem revelou até o momento a identidade dele.

CRIME BRUTAL

Gisele da Costa Santos foi encontrada morta na manhã desta quinta-feira (08) com mãos e pés amarrados dentro de um guarda-roupas abandonado na estrada Chaparral, em Cascavel. O crime chocou a cidade, e surpreendeu amigos da vítima, que disseram que ela estava bem até a noite anterior, quando fez publicações nas redes sociais.

O corpo foi recolhido ao IML de Cascavel, e foi reconhecido durante a tarde pela irmã da vítima. Na ocasião ela lamentou a morte e declarou não saber como contar para a mãe sobre o falecimento da irmã.

giselecascavel2 | 24Horas

Corpo de Gisele foi encontrado em guarda-roupas – Foto: Divulgação / Arquivo pessoal

PUBLICIDADE
COMENTÁRIOS
Registre-se
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
PUBLICIDADE

24H no FACE

ÚLTIMAS

EM ALTA