- Publicidade -
- Publicidade -

Bolsonaro passou horas reunido com Temer antes de publicar carta aberta

Ex-presidente foi consultado para ajudar na crise institucional.

Trending

O presidente Jair Bolsonaro pediu para que um avião oficial do Governo Brasileiro fosse até São Paulo buscar o ex-presidente Michel Temer (MDB). O objetivo do encontro era compor uma nota oficial que apaziguasse os ânimos entre as instituições da República.

A atitude de Bolsonaro em pedir conselhos a Temer intrigou os bolsonaristas mais radicais, que ficaram sem entender a estratégia. Na noite de quarta-feira (09) o presidente chegou a pedir para que caminhoneiros liberassem as rodovias, em um protesto que lembrou a mobilização que Temer enfrentou em 2018.

Horas depois do almoço com o ex-presidente, Bolsonaro se manifestou oficialmente pelo site do governo, e baixou a guarda para o STF e Congresso Nacional, temendo um processo de impedimento que o tiraria do poder antes das eleições de 2022.

Os bolsonaristas mais radicais lamentaram a postura do presidente e criticaram o fato dele ter convocado os protestos de 07 de setembro, e recuado diante das pautas de intervenção militar e destituição dos ministros do STF, como queriam os manifestantes. Nos grupos de Telegram, os posicionamentos críticos foram ainda mais contundentes, com apoiadores em polvorosa estupefatos com a nota presidencial.

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Cultura: prazo para inscrever projetos no Promic encerra segunda

Ao todo, o Promic destinará R$ 1.360.000,00 para os projetos.
- Publicidade -

Sugestões do editor

- Publicidade -